Algas Verdes no Aquário Marinho? Saiba Como Remover!
alga vede no aquário marinho

Algas Verdes no Aquário Marinho? Saiba Como Remover!

As algas verdes filamentosas de aquário marinho definitivamente não ganham nenhum concurso de popularidade entre os aquaristas. Ela é provavelmente a forma mais comum de algas em aquários marinhos. Além disso, suja o aquário e é muito rápida em absorver os elementos e nutrientes essenciais exigidos pelos corais e outras plantas em seu aquário, tornando-se um problema muito grande para se lidar.

Uma vez que comece a crescer pode ser muito difícil controlar o crescimento da alga verde filamentosa no aquário marinho se a ação não for tomada imediatamente e, quando isso acontecer, você terá uma grande tarefa para limpar as algas verdes existentes e também impedir seu crescimento.

Sendo um problema tão recorrente entre os entusiastas do aquarismo marinho é importante abordar o problema e fazê-lo de maneira a não afetar adversamente o ecossistema do aquário.

Existem inúmeras causas para o crescimento de algas verdes filamentosas em aquários e elas não precisam de um convite para começar a crescer de forma incontrolável. Assim, é muito importante manter uma verificação rigorosa dos parâmetros da água, como os níveis de nutrientes, condições de iluminação e níveis de pH.

Interessado em aprender tudo sobre aquarismo de uma vez por todas? Clique aqui e veja o curso que me ensinou DO ZERO como ser um aquarista de sucesso!

O que são algas verdes filamentosas?

Com mais de 7.000 espécies conhecidas, algas verdes filamentosas ou algas de cabelo, como também são conhecidas, são os primeiros e mais comuns intrusos de algas em aquários.

Eles são como o nome sugere, de cor verde, embora sua cor varie em tons de verde, desde o verde claro ao verde escuro. Parecem um tapete de veludo verde que cresce no seu aquário.

As algas verdes consistem principalmente de “cabelos” ou filamentos curtos e estruturas que crescem em aglomerados.

Elas podem ser um grande desafio para lidar uma vez que encontrarem um caminho dentro de seu aquário marinho e podem se espalhar muito rapidamente, o que pode causar estragos no equilíbrio do ecossistema marinho em seu aquário.

Desvantagens de algas verdes filamentosas no aquário marinho

As algas verdes são grandes competidoras por nutrientes

As algas verdes filamentosas são verdadeiras pragas que podem sugar os nutrientes da água, não deixando absolutamente nada, principalmente para os corais em seu aquário marinho.

Os corais nos aquários desempenham um papel muito importante na manutenção do equilíbrio do ecossistema marinho no e com a presença de algas verdes filamentosas não podem prosperar.

Algas verdes filamentosas estragam a aparência do aquário

Embora as algas sejam semelhantes a um tapete de veludo verde, ele não parece muito bonito. Ele se espalha para cantos diferentes do seu aquário marinho cobrindo tudo em verde, também é muito nojento e provavelmente não é a coisa mais bonita de se ter em seu tanque.

Você faz inúmeros esforços a fim de manter o seu aquário marinho limpo e agradável, mas as algas verdes filamentosas podem arruinar completamente isso.

Algas verdes filamentosas acabam com a visibilidade do aquário

As algas verdes podem começar a crescer nas paredes do seu aquário e impedir que você consiga ver o interior dele. Nós não queremos que essas coisas desagradáveis ​​estejam cobrindo o que você realmente quer ver que são seus peixes e seu ecossistema, não é?

Algas verdes são difíceis de combater

Esfregar as algas verdes filamentosas no seu aquário marinho dificilmente será eficaz e muitos peixes que comem algas também se recusam a comer algas verdes, tornando muito difícil lidar com esse incômodo.

Além disso, elas crescem e se espalham muito rápido caso encontrem um ambiente propício para a reprodução.

Causas para o crescimento de algas verdes no aquário marinho:

Provavelmente mais fácil de cultivar do que um cacto, as algas verdes não precisam que você cometa nenhum erro grave para entrar no seu aquário marinho e praticamente assumirem o controle.

Porém, existem alguns erros muito comuns, principalmente em aquários de iniciantes, e que vão facilitar o aparecimento da alga verde filamentosa no seu aquário marinho.

Vamos dar uma olhada em algumas das principais razões que causam um surto de algas verdes em seu aquário de água salgada:

Iluminação excessiva no aquário

A vida de qualquer planta depende do fato de que ela precisa de luz para realizar a fotossíntese, que é a chave para sua sobrevivência. Embora você precise fornecer uma certa quantidade de luz para os outros organismos em seu aquário marinho, é necessário restringi-lo entre 8 e 10 horas por dia para que haja luz suficiente para a vida marinha, mas não o suficiente para suportar o crescimento de algas.

Além disso, se você estiver usando iluminação artificial, defina um temporizador para que as luzes sejam automaticamente desativadas quando o horário definido estiver ativo.

Outro ponto a ser observado é garantir que você não coloque uma fonte de iluminação muito forte ou luz solar direta, pois isso pode ser outra causa de surgimento de algas em seu aquário.

Alimentação excessiva de peixes e algas verdes

Por mais que você goste dos seus peixes certifique-se de que você está dando apenas a quantidade de comida que é exigida por eles e não mais do que isso. Comida de peixe contém uma grande quantidade de nitratos e fosfatos entre outros nutrientes vitais que são necessários para o crescimento e sobrevivência das algas verdes.

Ao superalimentar os peixes você terá muitos restos que se acumularão no aquário. Este alimento vai lentamente começar a deixar nitratos e fosfatos na água.

Uma combinação destes nutrientes junto com a luz pode levar a algas verdes aparecendo em seu aquário.

Água não filtrada

A água da torneira ou qualquer outra fonte de água que não seja filtrada contém muitos nutrientes. Assim como nós, seres humanos, necessitamos de nutrientes para realizar as funções corporais do dia-a-dia, as plantas também os requerem e, portanto, esses nutrientes são a chave para a sobrevivência das algas verdes.

Sem esses nutrientes, as algas verdes filamentosas não poderão crescer normalmente, vão passar fome e eventualmente morrer.

Nível de pH descontrolado

Se os níveis de pH da água não forem controlados, as algas verdes podem se sentir confortáveis ​​no ambiente e começar a crescer e se espalhar.

O nível ideal de pH para água em aquários de água salgada é de 7,6 a 8,4. Qualquer coisa acima do limite prescrito pode levar a um desequilíbrio no ecossistema.

Você pode aprender mais sobre como controlar o pH lendo nosso artigo sobre o assunto.

Níveis elevados de fosfato e nitrato no aquário.

Altos níveis de fosfato e nitrato podem ser encontrados em aquários e podem vir de várias fontes.

Algumas das fontes que discutimos anteriormente incluem água não filtrada e comida de peixe acumulada, enquanto outras fontes incluem mistura de sal marinho e carvão ativado entre muitas outras coisas que você usa para manter seu aquário marinho.

Maneiras de identificar algas verdes filamentosas no aquário marinho:

alga verde filamentosa no aquário
A alga verde filamentosa tem a aparência de “cabelos” crescendo pelo aquário

As algas verdes filamentosas também são conhecidas como algas capilares por causa de sua estrutura de “cabelos” curtos e finos que crescem de maneira compacta.

Inicialmente, a estrutura do filamento é curta, mas ao longo de um período de tempo, o comprimento do “cabelo” aumenta. Algas verdes vêm em vários tons de verde, desde verde-claro a versões mais escuras de verde.

Elas podem se espalhar rapidamente pelo aquário se não forem controladas quando vistas inicialmente, então mantenha os olhos abertos para qualquer sinal de alga verde no aquário marinho.

Como controlar as algas verdes filamentosas no aquário marinho

Alga verde tomando conta do aquário marinho
A alga verde pode começar a se espalhar como um tapete verde sobre todo os cantos do aquário

Agora que temos uma boa ideia do que faz com que as algas verdes filamentosas cresçam em nossos aquários marinhos, vamos dar uma boa olhada no que pode ser feito para prevenir e controlar essas algas.

Seja generoso com o número de plantas que você coloca em seu aquário

Os peixes geralmente liberam nutrientes que as plantas absorvem, mas quando há falta de plantas na água, as algas começam a se formar e então elas começam a se reproduzir rapidamente.

Além do peixe, outros elementos que fazem parte do seu aquário, como sal marinho e alimentos para o seu peixe, podem levar ao acúmulo excessivo de nutrientes no aquário, o que pode levar ao crescimento de algas verdes.

Ter muitas plantas em seu aquário irá privar as algas e, eventualmente, se livrar de qualquer alga que esteja no seu aquário. Este é um ótimo método natural e de longo prazo para manter seu aquário de água salgada limpo.

Por outro lado, se as algas ainda conseguirem entrar no aquário e começarem a se espalhar, as plantas começarão a passar fome por causa da rapidez com que absorvem os nutrientes.

Controle a iluminação do aquário

Muita ou pouca luz pode ser desastrosa para qualquer aquarista de peixes marinhos. Portanto, é necessário entregar apenas a quantidade correta de luz que o seu ecossistema demanda.

Ofereça muita luz e algas podem tirar proveito disso e causar estragos em seu aquário, enquanto pouca luz pode limitar o crescimento e as exigências de outros organismos no aquário.

Use um skimmer de proteína para aquários

Aquaristas são apaixonados por skimmers de proteína e muitos deles consideram a peça mais importante do equipamento. Os skimmers de proteína são muitas vezes ignorados por amadores, que tendem a pensar que é um desperdício de dinheiro.

Eles não reconhecem a importância do papel que os skimmers de proteína desempenham. Os skimmers de proteína trabalham 24 × 7 para eliminar qualquer excesso de nutrientes que possam ter acumulado durante um período de tempo no aquário marinho.

Certifique-se de comprar um skimmer de proteína que seja grande o suficiente para o seu aquário, pois ele deve ter a capacidade de filtrar a água que está no seu tanque. Como ele está continuamente limpando seu aquário, há menos manutenção envolvida no seu final. Ao eliminar o excesso de nutrientes, você está se livrando dessa desagradável alga verde!

Mude a água do aquário frequentemente

Se você mudar a água em seu aquário com freqüência, as chances de acúmulo de nutrientes na água são muito menores.

Troque cerca de 25% da água em seu aquário a cada quinze dias e, a partir daí, experimente a frequência das mudanças de água e da quantidade até obter o alcance perfeito que funciona para você, já que cada aquário é diferente.

Use água filtrada no aquário marinho para evitar algas verdes

Mudar a água com frequência pode não ser suficiente se a nova água que você está colocando não estiver filtrada e já contiver nutrientes.

Como você deve saber, a água da torneira possui em altos níveis de nutrientes e minerais que podem levar ao crescimento de algas no aquário.

Regularmente substituir a água com água limpa e filtrada pode limitar as chances de crescimento de algas e ser uma fonte a menos de nutrientes em seu tanque.

Atenção nos ingredientes dos produtos

Como parte da rotina de manter nossos aquários limpos muitas vezes usamos muitos produtos químicos para garantir que o ecossistema do aquário esteja funcionando perfeitamente.

O que tendemos a negligenciar ao fazer isso são os ingredientes que vêm nesses produtos. Certos elementos devem ser evitados a todo custo, se você quiser manter distância das algas verdes filamentosas, como ferro, fosfatos e nitratos.

Estes elementos, em particular, levam ao crescimento de algas verdes na água.

Kits de teste de fosfato e nitrato

Como parte de seu arsenal de combate a algas, use kits de testes de fosfato e nitrato para testar os níveis de fosfato e nitrato do aquário marinho regularmente.

Você pode não saber o que está causando o crescimento das algas verdes filamentosas no aquário marinho até que você realmente teste a água para verificar se há excesso de nutrientes.

Verificar os níveis de fosfatos e nitratos ajudará a isolar a causa do problema.

Se os níveis de nitrato e fosfato são perfeitos, então você pode precisar trabalhar com a sua iluminação ou pode ser que as algas absorvam os nutrientes muito rapidamente, deixando vestígios mínimos de nutrientes na água.

Adicionar algas boas ao aquário marinho

Nem todas as algas são algas ruins; certos tipos de algas podem ser muito benéficos para a saúde geral do sistema.

Outras algas lutam pelos mesmos nutrientes que as algas verdes requerem e, portanto, se você tiver algas benéficas em quantidades suficientes, poderá matar as algas verdes para que elas desapareçam do aquário.

Algumas espécies de algas absorverão o excesso de nutrientes e também servirão de alimento para muitos peixes.

Last Updated on

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se na nossa lista VIP para receber nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.